Antes da febre do Game Boy, em 1980 a Nintendo lançava sua primeira franquia de jogos portáteis. Os joguinhos em tela LCD eram compactos, vinham com baterias de relógio, e claro, mostravam as horas - eis o Game & Watch.

Com apenas um jogo por portátil, nessa época, os jogos na tela eram exibidos por figuras e silhuetas que apareciam e desapareciam rapidamente, criando uma animação bem rudimentar. A Nintendo não foi a única empresa a fazer este tipo de jogos portáteis, mas foi a que fez o melhor.

É incrível ver como o design do Nintendo DS foi influenciado com a aparência dos antigos modelos que usavam duas telas. E como se não bastasse, os botões direcionais em formato de cruz (crosspad) nasceram no Game & Watch, foi uma revolução nos joguinhos portáteis.

Game & Watch edição Donkey Kong na cor laranja no modelo com duas telas LCD.
Um mini game copiando o DS? Não, é oficial Nintendo! 🙂

O Pinball fazia muito bem o uso das duas telas. A versão lançada mais tarde no NES recebeu a influência da versão portátil, basta comparar a mesa de fliperama de ambos. Embora a bola “corresse” pela tela de um lugar para o outro com sinais e bips, a sensação era convincente e era melhor que qualquer outra coisa que existisse.

Pinball marcou presença primeiro no Game & Watch

Eu me lembro de ter um modelo do Game & Watch com o jogo Donkey Kong Jr. que foi distribuído no Brasil pela Candide e adquiri na loja RiHappy Brinquedos, o ano eu não me recordo. Diferente do Game & Watch original, ele carregava o nome Nintendo Mini Classics, era muito pequeno e compacto, em formato de chaveiro e seu design lembra bem o Game Boy Pocket. Os jogos eram os mesmos dos primeiros portáteis. A experiência aparenta ser a mesma do Game & Watch original, apesar do tamanho minúsculo.

Embalagem com o jogo Donkey Kong Junior na edição Mini Classics
Eles eram tão fofinhos!

Donkey Kong Jr., na verdade criavam pequenos níveis de plataformas móveis de blocos LCD que Donkey Kong podia pular. Algumas partes da tela tinham trepadeiras para escalar, na verdade, era a imagem de fundo do portátil que eram coloridas em um fundo prateado para dar um contraste legal com o preto dos desenhos no LCD.

Todos os jogos vinham com modo “A” e “B”, onde o modo “B” tinha a dificuldade aumentada, e isso era um argumento para um desafio a mais. Alguns jogos conseguem salvar a pontuação máxima graças ao uso das baterias de relógio, mas não dava para pausar a partida ou salvar seu progresso para continuar depois.

8 classicos do Game & Watch na ordem: Oil Panic, Donkey Kong 2, Safe Buster, Zelda, Bomb Sweeper, Pinball, Donkey Kong e Mickey & Donald.
Game & Watch teve alguns clássicos, até Zelda ganhou uma versão!

A Nintendo sempre deixou o Game & Watch na trajetória dos seus portáteis, várias coleções no Game Boy e no Game Boy Advance, e também tinham duas edições de colecionadores que foram lançadas para o Nintendo DS exclusivamente para os membros do Club Nintendo para quem alcançasse o nível anual de Platinum Members. Em Super Smash Bros Brawl, um dos personagens mais difíceis de se desbloquear é o “Mr. Game & Watch”, um cara com um bastão que se movimenta com dificuldade pela arena que é uma representação dos antigos jogos em LCD. No iPhone, alguns jogos que copiavam o Game & Watch foram lançados, mas prontamente removidos da App Store.

A Nintendo lançou sabiamente alguns desses jogos no DSiWare Shop (a plataforma de compras de jogos do Nintendo DSi) por 200 pontos, ou pelo valor de 2 dólares cada. Um preço relativamente justo para jogos que tem uma qualidade bonita e um fator replay, dependendo da sua paciência, é claro!

Box das duas edições do Game & Watch Collection para o Nintendo DS
Edições especiais do Game & Watch para membros do Club Nintendo.

Todos estes jogos vieram em uma época em que os jogos de arcade não podiam serem “finalizados” – eles só ficavam mais rápidos a medida em que você jogava. Quase todos os jogos da série Game & Watch apresentam uma estrutura de tarefas de sobrevivência mais curtas ou mais longas, até que você chegasse á um ponto onde será necessário usar e perder as suas três vidas. Conseguir uma pontuação alta é o principal objetivo, a sensação acelerada do minigame desses títulos vieram a serem utilizadas pela Nintendo mais tarde na série WarioWare, Inc.: Mega Microgames! em 2003 para o Game Boy Advance.

As animações ”duras e paradas” são fielmente recriadas. Você pode até mesmo perceber as sombras das animações da tela LCD, da mesma forma que eram exibidas nos antigos Game & Watch.

Reprodução das animações na tela LCD do Game & Watch

Em 1984, a Nintendo lançou uma versão do Game & Watch que ganhava o modo multiplayer graças aos dois controles que vinham no portátil. E lógico, Donkey Kong ganhou sua terceira versão.

Game & Watch versão Donkey Kong 3 com multiplayer com dois controles.
Jogar de dois? Pode sim!

Aqueles que não nasceram nos anos 70 podem achar esses jogos um tanto chatos e desajeitados, mas são um verdadeiro museu do passado dos portáteis da Nintendo. E isso é importante para manter a história dos portáteis Nintendo. Apesar de eu ter nascido nos anos 90, esses jogos tem me ajudado em filas de espera ou nos pontos de ônibus.

RevisãoWellington Fox
Artigo Anterior
Paddle Controller: Acessório da Taito traz a experiência...
Próximo Artigo
Realidade Virtual: Uma retrospectiva no Virtual Boy


Comentários


SiggyKun

Um retro-gamer louco e apaixonado por 8-Bits, pixel-art e um leão. Sou fissurado por emuladores, que foi aonde eu adquiri paixão total pelos portáteis. Meu primeiro contato real com um Game Boy foi aos 20 anos onde ganhei um com Pokémon Yellow. Sou pai de um Nintendo 2DS, um PSP e um Game Boy Pocket que é o meu xodó!


Compartilhe